TPL_JM-RAINBOW_SEARCH

 

Erva respeitada por todos devido seus inúmeros benefícios, a Centella Asiática surpreende devido seus inúmeros benefícios. A planta age como vasodilatador e estimulante da produção de colágeno, o que faz dela uma excelente opção contra a celulite, com resultados comprovados em todo o mundo.

Estudada pela Ayurveda (tradicional medicina indiana), a Centella Asiática -conhecida na cultura indiana como gotu kola-, é rica em saponinas e glicosídeos que fortalece o sistema circulatório, tratando problemas de pele, melhorando as funções cerebrais reduzindo a ansiedade e o estresse e combatendo queda de cabelo.

Na indústria, a Centella Asiática é utilizada pelo setor de comércio, em especial no combate a celulite e ao envelhecimento, cuja eficácia é comprovada.

Celulite

 

(www.mundoboaforma.com.br)

A centella asiática ajuda a interromper este ciclo vicioso melhorando o fluxo sanguíneo, o que acaba por aumentar a oferta de nutrientes necessários para a regeneração das microinflamações – que são as celulites.

Pesquisas indicam também que a centella asiática não só estimula a síntese de colágeno como ainda impede a reabsorção da proteína, propriedades que garantem uma pele mais firme, reduzem as inflamações e fortalecem os vasos sanguíneos.

Esses benefícios da centella asiática ajudam a diminuir o vazamento de fluidos dos capilares sanguíneos, melhorando o aspecto das áreas afetadas pela celulite e prevenindo a formação de novas inflamações.

A centella asiática também parece atuar na dissolução dos nódulos de gordura da celulite, ao mesmo tempo em que reduz o tecido fibroso (a trama de colágeno) aprisionado entre as células adiposas.

Em um estudo recente, voluntários receberam via oral 60mg de centella asiática durante 90 dias. De acordo com os autores da pesquisa, os participantes não só observaram uma melhora da celulite como também apresentaram uma redução das medidas, sobretudo ao redor dos glúteos e das coxas.

Os grandes responsáveis por esse efeito da centella asiática foram os triterpenóides, que melhoraram a drenagem linfática, provocando uma redução do tamanho das células de gordura, que literalmente encolheram.

Portanto, de maneira resumida, podemos dizer que a centella asiática ajuda a diminuir a celulite porque nutre o tecido inflamado, estimula a produção de colágeno, favorece a eliminação das células de gordura e diminui a retenção de líquido entre a epiderme e a derme.

Benefícios da centelha asiática

A erva não serve só para tratar a celulite. Confira outros benefícios da planta de origem asiática:

– Ajuda na perda de peso

Se você já ouviu falar que a centella asiática emagrece, saiba que a afirmação procede. A planta pode auxiliar no controle de peso porque:

Reduz o depósito de gordura nos adipócitos (células de gordura);

Diminui a ansiedade e ajuda a controlar o apetite;

Tem ação diurética: estimula a eliminação do excesso de líquido retido nos tecidos, favorecendo um melhor funcionamento dos rins;

Combate as inflamações: além de combater as microinflamações nos locais afetados pela celulite, a centelha asiática também auxilia na desinflamação do organismo como um todo. Estudos indicam que as inflamações podem causar uma resistência à insulina e à leptina, o hormônio que controla o apetite e o metabolismo;

Desintoxica: a centelha asiática facilita a eliminação de toxinas pelo fígado – inclusive metais pesados.

– Diminui a ansiedade

Um estudo publicado no Journal of Ethnopharmacology afirma que a Centella Asiática pode ajudar a combater os sintomas do estresse e ansiedade. De acordo com os responsáveis pela pesquisa desenvolvida com animais, a planta foi capaz de reduzir o peso corporal e diminuir os níveis de hormônios ligados ao estresse, como o cortisol.

Esse resultado pode ser explicado pelo fato da centelha asiática se ligar aos receptores de colecistoquinina, um tipo de hormônio que atua diretamente na regulação da ansiedade, memória e até mesmo do apetite.

Para aqueles que costumam exagerar na comida quando estão ansiosos ou mais estressados, a centelha asiática pode ser uma boa opção para aumentar o controle à mesa.

– Melhora a pele

A diminuição da produção natural de colágeno com o passar dos anos é a principal causa das rugas, de maneira que o uso de centella asiática para aumentar a produção de colágeno faz muito sentido do ponto de vista estético.

Além disso, a centella asiática reduz o inchaço e combate os radicais livres, dois inimigos da pele firme e saudável.

– Controla a pressão

Quando utilizada via oral, a centella asiática fortalece a parede dos vasos sanguíneos, favorecendo o aumento do fluxo sanguíneo e consequentemente reduzindo a pressão arterial.

– Tem ação cicatrizante 

Os triterpenóides e oxidantes da centella asiática estimulam o fluxo sanguíneo e a síntese de colágeno ao redor do ferimento, acelerando a cicatrização e evitando a formação de marcas e cicatrizes mais profundas como os queloides.

O creme de centella asiática também tem sido utilizado para evitar as estrias decorrentes do ganho de peso e da gravidez.

– Evita a insônia

Estudos desenvolvidos em animais demonstraram que mais um os benefícios da centella asiática é o potencial sedativo, efeito que se deve à presença de compostos conhecidos como brahmosídeos e brahmninosídeos.

– Estimula as funções neurais

A centella asiática tem sido utilizada há muito tempo na medicina Ayurveda como um potente estimulante cerebral, pois revitaliza os neurônios e combate os efeitos nocivos dos radicais livres. O uso da erva está associado a uma melhora na memória e na concentração, e pesquisas preliminares sugerem ainda que centella asiática possa colaborar para a prevenção do Alzheimer.

Outros benefícios da centella asiática incluem a cicatrização de úlceras estomacais, melhora nos quadros de fadiga, depressão, reumatismo, epilepsia e complicações circulatórias em geral.

Dosagem

A dose de centella asiática para obter todos os benefícios da planta é de 180-500 mg, concentração que deve ser dividida em duas ou três vezes ao dia. Ainda que não existam até o momento estudos sobre a toxicidade da planta, recomenda-se não ultrapassar a dosagem 600 mg de extrato de centella asiática em um único dia.

Já o creme de centella asiática para celulite deve ser utilizado duas vezes ao dia (manhã e noite), sempre em combinação com uma auto massagem na área a ser tratada.

Como Tomar

Você pode tomar centella asiática na forma de cápsulas, chá ou então tintura – está em geral manipulada em farmácias homeopáticas. Se a opção for por cápsulas, tome duas vezes ao dia (2 cápsulas de 250 mg).

A dosagem da tintura por sua vez irá depender da concentração da substância, e você deverá neste caso seguir as orientações no rótulo do produto.

Já o chá pode ser tomado por 4-5 vezes ao dia, sempre sem açúcar e sem adoçante.

Efeitos Colaterais

A centella asiática parece ser segura quando consumida em doses adequadas. Já o consumo excessivo da planta pode causar sonolência, sedação, hipotensão (pressão baixa), dor de cabeça e irritação da pele.

Pessoas que sofrem com mau funcionamento do fígado também devem evitar o uso da centella asiática para celulite ou qualquer outro fim, uma vez que a planta pode ser tóxica para o órgão quando em alta concentração na corrente sanguínea.

Gestantes (a planta tem potencial abortivo quando utilizada por via oral), diabéticos (a centella asiática pode elevar as taxas de glicose no sangue) e pessoas com gastrite e colesterol alto também devem evitar o uso da centella asiática.

Colabore com a centella

Os benefícios da centella asiática para celulite, perda de peso e melhora da circulação já estão mais do que comprovados, mas eles só terão efeito caso sejam combinados com um estilo de vida saudável e ativo. Tomar o chá de centella asiática para emagrecer e continuar com a mesma dieta hipercalórica e rica em açúcar e gordura saturada não irá trazer o resultado que você espera.

O mesmo vale para a centella asiática tópica, que deve ser combinada com:

Uma dieta com muitas verduras e frutas, que fornecem antioxidantes para nutrir a pele e combater as inflamações;

Exercícios físicos para fortalecer a musculatura, estimular a drenagem linfática e facilitar a eliminação dos depósitos de gordura;

Bons hábitos de vida: sem cigarro, bebida alcóolica, açúcar, refrigerantes, frituras e farinha branca em excesso.

 

Matéria: www.mundoboaforma.com.br

TPL_JM-RAINBOW_ADDITIONAL_INFORMATION